SES investiga novo caso suspeito de varíola dos macacos em São Luís

SES investiga novo caso suspeito de varíola dos macacos em São Luís

A Secretaria Municipal de Saúde (Semus) confirmou nesta sexta-feira (10) um caso suspeito de Monkeypox (Varíola do Macaco) em São Luís. O paciente é um homem de 30 anos. Ele deu entrada na Unidade Mista do Bacanga no dia 8 de junho onde recebeu atendimento. O estado de saúde do paciente é estável.

A Vigilância Epidemiológica Municipal já notificou o Ministério da Saúde, foram colhidas amostras do paciente e encaminhadas para análise.

Em nota, a Secretaria Municipal de Saúde (Semus) informou que o paciente foi transferido para o Hospital Universitário (HUUFMA), onde seguirá internado, em isolamento, aguardando o resultado dos exames.

Sintomas

A varíola dos macacos é uma doença infecciosa que passa de animais para humanos, é causada pelo vírus de mesmo nome (varíola dos macacos). Este vírus é membro da família de Orthopoxvirus, a mesma do vírus da varíola, doença já erradicada entre os seres humanos.

Os sintomas iniciais costumam ser: febre, dor de cabeça, dores musculares, dor nas costas, gânglios (linfonodos) inchados, calafrios e exaustão.

As lesões passam por cinco estágios antes de cair, segundo o Centro de Controle de Doenças (CDC) dos Estados Unidos. A doença geralmente dura de 2 a 4 semanas.

O que fazer para se proteger:

  • Lave as mãos com água e sabão regularmente ou use um desinfetante para as mãos à base de álcool;
  • Coma apenas carne que tenha sido bem cozida.

O que não fazer:

  • não se aproxime de animais selvagens, incluindo animais mortos;
  • não se aproxime de nenhum animal que pareça doente;
  • não coma ou toque em carne de animais selvagens (carne de caça);
  • não compartilhe roupas de cama ou toalhas com pessoas doentes e que possam ter varíola dos macacos;
  • não tenha contato próximo com pessoas que estão doentes e podem ter varíola dos macacos.

Com informações: O Imparcial

Voltar ao Topo